Acompanhantes | Contos Eróticos | Abusado
Acompanhantes | ASSINE JÁ | Fale Conosco | Foto do Dia | Galeria de Fotos | Novidades | Página Inicial | Vídeos
Categorias: Total de 7.765 contos
BizarroFetichesGaysGrupalHéteroLésbicasSadoMasoquismoBusca

Mulher casada Por: negao.
Avaliação geral:
Minha avaliação:Assine
Visitas:80.860

Trabalhava em um grande São Paulo aqui em São Paulo, quando fiquei encantado por uma mulher. Mais de 1.80m ruiva dos olhos claros, seios grandes e bonitos, não tinha uma bunda grande mas era deliciosa. Talvez o que mais me chamava a atenção era o fato dela ser segurança com aquele geito sério que não sorria para ninguém. Entrei neste hospital com 18 anos, como mensageiro, ela devereia ter uns 25 anos mas nunca chegamos a conversar. O tempo passou, eu fui trabalhar em outro setor (fora do hospital) e em 1998 voltei para trabalhar na parte administrativa do departamento de segurança. Logo no primeiro mês houve um churrasco na qual tive a oportunidade de: primeiro conversar com ela e segundo vê-la de maiô, que maravilha. Depois do chrurrasco bati uma punheta enorme na minha casa. Mesmo namorando com outras meninas na faculdade aquela mulher não me saia da cabeça mas, não tinha coragem de chegar nela e falar dos meus sentimentos apesar de todos os seguranças quererem sair com ela. Num belo dia, ela me pediu para que eu a ensinasse matemática, após o meu horário de trabalho, e eu rapidamente me coloquei a disposição para ensiná-la. Logo me vi ali , com aquele mulherão do meu lado e eu tentando ver o decote dos seios delas, mas logo me vinha a imagem do marido dela na cabeça. O tempo passou e um belo dia ela me ligou na minha casa e me convidou para ir ao Shopping assistir um cinema.Lembro como se fosse hoje fomos assistimos um filme chamado Noting Hill, estava tão nervoso que nem olhava para o lado, de repente ela me convidou para assistir outro filme, no mesmo dia - a Múmia e mais uma vez não fiz nada (somente coloquei o braço em volta do ombro dela, por iniciativa dele é claro). Ao ir embora ela me deu carona até a 9 de julho quando finalemente, nos beijamos. História vem, história vai até que um dia fomos ao motel, como fomos várias vezes vou contar cenas que acontecram. Começamos como um casal normal , até que um dia ela pediu para que eu gozasse em sua boca, nossa foi maravilhoso ela não deixou cair uma gota; Adorava dar um banho de língua nela quando ela me permitiu chupar a sua buceta e ela gozava ardentemente em minha boca. Sempre fui louco para comer o cú dela mas, ela nunca me dava e até que eum dia chupei aquele cuzinho maravilhoso, para mim foi melhor do que comer. Sei que eu cumi esta mulher de tudo quanto é geito (menos anão ) mas foi a melhor buceta que já comi na minha vida Trabalhava em um grande São Paulo aqui em São Paulo, quando fiquei encantado por uma mulher. Mais de 1.80m ruiva dos olhos claros, seios grandes e bonitos, não tinha uma bunda grande mas era deliciosa...



Quer ler todo esse conto? Assine já!


Voltar
©Copyright 2000-2018 - Todos os diretos reservados
http://www.abusado.com.br
A revista mais ABUSADA da internet.

ATENÇÃO: A Revista Abusado não se responsabiliza pela veracidade e pelo conteúdo dos contos uma vez que todos foram enviados por seus visitantes.

Caso o conteúdo seja impróprio ou ofensivo, clique aqui e denuncie.