Acompanhantes | Contos Eróticos | Abusado
Acompanhantes | ASSINE JÁ | Fale Conosco | Foto do Dia | Galeria de Fotos | Novidades | Página Inicial | Vídeos
Categorias: Total de 7.954 contos
BizarroFetichesGaysGrupalHéteroLésbicasSadoMasoquismoBusca

Como é bom ter Alguém só seu Por: ROBINSON.
Avaliação geral:
Minha avaliação:Assine
Visitas:123.585

Olá me chamo Robinson, tenho 29 anos cab e olhos pretos peso 178kg um corpo definido das praticas de musculação e algo mais.... bem o que vou relatar é a pura verdade, pois a tempo estava com vontade de mandar um conto pra vcs mais não tinha coragem... Agora sim... tomei coragem e aqui estou. Tudo aconteceu este ano de 2005 andava meio solitário e sem nenhuma pretenção de conhecer ninguém, mais vcs sabem como é o destino, pois bem, sem que eu esperace conheci uma pessoas maravilhos, me interessei logo de cara, pois o achei muito bonito e atraente... Ele se chama Ronaldo tem mais ou menos 179 d alt olhos castanhos claros cab castanho escuro e um corpo que me chamou muito atenção assim que o vi, conheci em uma academia proximo a minha casa aqui em Fortaleza, bem não me demorei muito pois do contrario, se eu não o abordase naquele instante não o abordaria mais.... sou um pouco tímido mais tomei coragem, e como quem não queria nada puxei conversa com ele, coisas triviais como: como seu nome, idade e coisas mais... pra minha surpresa ele focou super avontade quendo eu o abordei e conversa vai conversa vem já pareciamos dois amigos intimos, ves por outra percebia nele um olhar mais curioso mais não dei muita tela pois ele me parecia tão masculo que seria até um crime me insinuar naquele 1º encontro, mesmo assim mantive a pose e continuei conversando com ele, malhamos juntos naquele dia e na saida convidei para assistir as um dvs na minha casa pois havia alugado alguns e não queria assistir sozinho ele topou logo de cara pois disse que não tinha nada pra fazer mesmo. Então fomos os dois em direção a minha casa que não era muito longe da academia, ao chegar fui abrindo a porta e constatei que não havia ninguém em casa pois minha mãe havia ido para o trabalho como ela sempre faz ao meio dia, convideio para entrar, e perguntei se ele bebia alguma coisa comigo, ele disse que a´gua era uma boa pedida pois estavamos sedento de tanta malhação e o calor que fazia naquele dia era de rachar... depois que ele tomou a água nos dirigimos paro o meu quarto eu liguei o som e pedi para que ele me esperasse enquanto eu tomava um banho, ele me perguntou se poderia fazer o mesmo eu disse que sim pois afinal disse para ele se sentir a vontade como se estivesse em sua casa, fui até o armário e peguei uma tolha para ele e me dirigi ao box... estava tirando minha roupa quando me surpreedi com ele atras de mim completamente nu, mas mantive a postura pois não queria demonstrar que estava muito excitado em vê-lo naquele estado. E que estado nunca vi coisa tão gostosa como aquela umas pernas torneadas, um torax que me tirou o fôlego e uma barriga que barriga aquilo era um tanque... me enfiei logo no chuveiro pra ver se esfriava os animos mesmo assim foi em vão, pois ele já havia percebido meu estado ha muito tempo desde nossa conversa na academia... e disse que meu convite tinha vindo bem a calhar pois ele estava afim mesmo era de mim, não disse nada só permite que a situação e a ocasião fosse a nosso favor, então ele veio até mim e me deu um beijo demorado de tirar o fôlego, e com sua mão foi chegando até o meu pau que a essa altura já estava mais que duro e sentiu todo o meu desejo de macho por ele. foi masageando lentamente meu pau hora tocava em minhas bolas que chegava a me causar arrepios que mão suave e como ele sabia tocar num cacete, ao mesmo tempoia me dizendo que estava afim de fazr isso a muito tempo pois já havia me visto outras vezes na acadêmia... só que aquele não era momento para conversa e sim para ação: então ele foi se baixando lentamente dando beijos suaves no meu peito, na barriga, nas minhas coxas e então deu um beijo sutil na cabecinha do meu pau super vermelho de tesão, abril a boca lentamente e me chupou ou melhor me mamou como eu nunca tinha sido mamado em toda minha vida, me sugava com sua boca e com a língua fazia movimentos circulares na cabecinha isso me fazia subir as paredes, quando ele sulgava meu cacete eu dava gemidos baixos de prazer e com minhas mãos segurava sua cabeça trazendo sua boca para mais perto do meu pau, parecia que estava a fudeder aquela boquinha faminta, quando não mais aguetei disse que iria gozar, e ele me disse olhando nos olhos com uma voz bem safada, goza na minha boquinha pois quero sentir o gosto da sua porra, então gozei, gozei como nunca havia gozado em minha vida foia sensação mais maravilhosa vivida até aquele momento... pois é claro que outros momentos como aqueles se repetiram pois estamos juntos até hoje e o AMO muito. em outra oportunidade conto outra de nossas experiências OK. Obrigado pela oportunidade de compartilhar um pouco da minha vida amorasa com vcs.Olá me chamo Robinson, tenho 29 anos cab e olhos pretos peso 178kg um corpo definido das praticas de musculação e algo mais....
bem o que vou relatar é a pura verdade, pois a tempo estava com vont...



Quer ler todo esse conto? Assine já!


Voltar
©Copyright 2000-2019 - Todos os diretos reservados
http://www.abusado.com.br
A revista mais ABUSADA da internet.

ATENÇÃO: A Revista Abusado não se responsabiliza pela veracidade e pelo conteúdo dos contos uma vez que todos foram enviados por seus visitantes.

Caso o conteúdo seja impróprio ou ofensivo, clique aqui e denuncie.